WEBMAIL

LINKS

ACESSO RÁPIDO

MENU

Técnicos da Assistência Social participam de oficina temática e de atualização de serviços

13/07/2017 - 11h38
clique para ampliarFoto: Marco Vieira
clique para ampliar
clique para ampliar Iolanda Oliveira, coordenadora de Benefícios Assistenciais e Complementares
clique para ampliarAndreia Pereira, psicóloga do Cras João de Oliveira Sobral
A Secretaria Municipal da Assistência Social de Aracaju, através da Coordenadoria de Benefícios Assistenciais e Complementares, realizou na quarta-feira, 12, uma oficina temática com os trabalhadores dos 16 equipamentos da Proteção Básica sobre o Sistema de Acompanhamento de Condicionalidades - SICON. O objetivo do curso é que os profissionais saibam manusear a ferramenta que faz o cadastramento do Programa Bolsa Família.
 
De acordo com Iolanda Oliveira, coordenadora de Benefícios Assistenciais e Complementares, cerca de 54 profissionais estão participando do processo. “São assistentes sociais, psicólogos, técnicos e coordenadores que estão sendo treinados para manusear esta ferramenta, que está online e faz cruzamento de dados junto ao Ministério do Desenvolvimento Social [MDS]. Muitos deles ainda sentem dificuldades com o software e o nosso foco é que eles possam acompanhar essas famílias da melhor forma possível com essa especialização”, explicou.
 
Ainda segundo a coordenadora, através da ferramenta de cadastro será feito o acompanhamento familiar para o planejamento de ações futuras nos centros de referência. “A gente entende que são pessoas que já se encontram numa situação de vulnerabilidade social relacionada à renda e por isso a necessidade de uma atenção mais detalhada. Isso será feito por meio do sistema do MDS, tendo em vista que as informações vão estar disponíveis nacionalmente, já que o recurso para o pagamento desses benefícios vêm do Governo Federal”, finalizou.

Para a psicóloga do Cras João de Oliveira Sobral, Andreia Pereira, as capacitações permitem que os profissionais atualizem seus conhecimentos. “Lidar com pessoas não é um trabalho estático e é por isso que precisamos sempre estar em constante mudança. É essencial que tenhamos esses momentos para poder aprender mais sobre as condicionalidades e sobre a maneira como as estamos registrando, para que elas continuem tendo acesso à renda. Estamos aqui para dar à população um atendimento mais qualificado tecnicamente e humanamente, visando sempre a garantia de direitos”, explicou.
 
Hoje a Secretaria Municipal da Assistência Social de Aracaju possui cerca de 73 mil pessoas cadastradas. Desse total, 33 mil recebem o Bolsa Família.
Twittar Curtir
TAMANHO DA FONTE A+ A-
Prefeitura Municipal de Aracaju
Centro Administrativo Prefeito Aloísio Campos Rua Frei Luís Canelo de Noronha, 42 - Conj. Costa e Silva - CEP 49097-270
Aracaju, Sergipe - Brasil - Fone: (79) 4009-7800

Swapi Agência Digital