WEBMAIL

LINKS

ACESSO RÁPIDO

MENU

17 de Março: moradores comemoram retomada da obra da Unidade de Saúde

11/08/2017 - 15h40
clique para ampliarA moradora Maria José garante: com Edvaldo a saúde vai funcionar (Foto: Janaína Santos)
clique para ampliarMaria José foi ver de perto a assinatura da ordem de serviço (Fotos: Sergio Silva)
clique para ampliar
clique para ampliarMarilene já observa a transformação que a Prefeitura vem fazendo na cidade
clique para ampliarO líder comunitário Adriano Araújo lembra que nos últimos quatro anos o bairro estava esquecido
clique para ampliarMaria Auxiliadora é usuária no posto do Santa Teresa, mas sabe que essa realidade vai mudar em breve
clique para ampliarTrabalhador autônomo, Moisés sabe como a Prefeitura está se esforçando para contornar a crise financeira
Para ter atendimento médico, os moradores do bairro 17 de Março precisam se deslocar para localidades próximas, como os bairros Santa Maria ou Santa Tereza. Essa realidade, porém, já começa a mudar com a ordem de serviço para a construção da Unidade de Saúde da Família (USF) assinada, nesta sexta-feira, 11, pelo prefeito Edvaldo Nogueira, pela secretária da Saúde, Waneska Barboza, e pelo presidente da Empresa Municipal de Obras e Urbanização (Emurb), Sérgio Ferrari. Os moradores do bairro, por sua vez, já estão na expectativa para a inauguração, prevista para acontecer dentro de oito meses. 

Assim como aconteceu com as obras da primeira escola de Ensino Fundamental do bairro, os recursos para a construção da USF foram deixados por Edvaldo Nogueira em sua gestão passada, e ambas ficaram paralisadas durante os últimos quatro anos. Vizinhas, agora seguem sendo erguidas juntas para a melhoria da qualidade de vida de uma comunidade com cerca de 17 mil habitantes e que estava em estado de abandono. 

O investimento de pouco mais de R$ 955 mil (sendo R$ 773 mil de recurso federal e o restante da gestão municipal), para Moisés de Souza, de 33 anos, valerá muito mais. Para ele, que sempre tem que se deslocar para o bairro vizinho para conseguir uma consulta médica, ter um posto de saúde no local onde mora só pode ser visto como ganho para a população. Ele, que trabalha vendendo salgados, ganhou mais um motivo para se alegrar em tempos difíceis. “Eu imagino que não deva estar sendo fácil administrar quando estamos vivendo uma crise, mas, ainda assim, ganhamos essa obra. Agora, tenho certeza que será concluída. É um momento histórico para a nossa população e eu estou muito feliz com essa conquista”, afirmou ele, que mora no 17 de Março há cinco anos. 

Dona Maria Auxiliadora, que também mora no local há cinco anos, recebeu com bons olhos a obra da unidade de saúde, ainda mais quando ela está localizada quase ao lado de sua casa. “Sempre precisei ir ao Santa Tereza para conseguir atendimento médico, mas, agora, já me sinto mais animada com um posto praticamente ao lado da minha casa. Com certeza não terei tanto desgaste”, contou. 

À frente da comunidade está Adriano de Araújo, líder comunitário que vem defendendo os interesses dos moradores do 17 de Março. Segundo ele, agora existe uma gestão que trabalha pelo bem dos moradores do bairro. “O 17 de Março existe há sete anos e sentíamos que, nos últimos quatro, estava abandonado. Vimos a obra começar e parar do nada, mas, sinto que agora vai ter fim. Isso só vem a beneficiar a nossa comunidade que é tão carente. Só tenho a agradecer ao prefeito Edvaldo Nogueira”, destacou. 

O trabalho de reconstrução da cidade tem sido observado pela população, prova disso é a dona Maria José dos Santos, que tem acompanhado o empenho da gestão. “Com o prefeito Edvaldo Nogueira, sei que a saúde agora vai andar. Já temos medicamentos nos postos de saúde e médicos, que antes não tínhamos, e agora o nosso posto, além da maternidade, que também vai sair, e o nosso colégio. Tudo isso é motivo de muita alegria para mim”, ressaltou a moradora. 

Dona Marilene Lindinalva também tem visto as mudanças que a cidade já apresenta, sobretudo no bairro 17 de Março. “Já comecei a notar pela limpeza e pelas obras que a gente via paradas, mas, agora, estão andando. Eu tenho gastrite e preciso de tratamento regularmente. Ter um posto perto de casa facilita muito e até incentiva a gente a cuidar da saúde”, disse. 

Estrutura 

Com previsão de entrega para 2018, a nova USF compreende 545,64m² de área total construída. A unidade terá nove consultórios, salas de observação, acolhimento, vacina, curativos, nebulização e sala de odontologia com duas cadeiras. O local também contará com sala de reunião, administração, recepção, espera e banheiros masculinos e femininos. Quatro equipes de Saúde da Família e dias equipes de Saúde Bucal atuarão no local. 

Retomada 

O município de Aracaju cadastrou a proposta para a construção da USF em 2010, quando o Ministério da Saúde lançou o Programa Requalifica UBS. Em 2012, ao final da gestão do atual prefeito Edvaldo Nogueira, foi firmado o convênio com a Emurb para a execução da obra com garantia de recurso em conta.

No entanto, o prefeito que assumiu a gestão em 2013, não cumpriu os prazos legais e, sendo assim, o Ministério da Saúde determinou a devolução dos recursos. Diante dessa perda financeira, já em 2016, foi redefinida uma proposta de recurso federal, que foi submetida ao Ministério, com aprovação para a construção da USF no bairro. 
 

Twittar Curtir
TAMANHO DA FONTE A+ A-
Prefeitura Municipal de Aracaju
Centro Administrativo Prefeito Aloísio Campos Rua Frei Luís Canelo de Noronha, 42 - Conj. Costa e Silva - CEP 49097-270
Aracaju, Sergipe - Brasil - Fone: (79) 4009-7800

Swapi Agência Digital